quinta-feira, setembro 18, 2008

Uma Alma de Luz

Um comentário:

Olhos de Mel disse...

Doce poeta! Tens o encanto em cada palavra escrita, em cada frase que não foi dita... essa luz, que importa de onde vem, se ela te fizer o bem?
Nossa, é emoção demais, viu? Acho que as pessoas perdem muito, ao não virem aqui. Por vezes, choro tuas lágrimas, sinto teu renascer. Acompanho a tua dor, mas percebo tua luz resplandecer...
Beijos