sábado, setembro 13, 2008

Dois Corpos

Um comentário:

Olhos de mel disse...

Oie lindinho! Os sonhos nos traz a sensação de que é possível realizar. Deixa a esperança do concretizar... Embora a tristeza permeia esse seu belo poema, nas entrelinhas, nota-se o desejo de vida, dos anseios gritantes, da alma! Então, acenda essa luz!
Beijos