segunda-feira, abril 26, 2010

A Flor de Ícaro


A Flor de Ícaro

A rosa morre sem os raios do Sol...
A sombra some...no canto da rua...
Ela espalhou sua magia... toda nua!...
Houve uma explosão de estrelas ao redor!...

Ela fez parte do sonho Maior,
ela se despiu de alma... sem censura...
O plebeu se perdeu na noite escura...
...e ela se foi pra outra vida melhor.

Na grande epopéia de cinema diz:
- o amor ficou preso entre Terra e Mar;
na foto está inerte a bela atriz!

Na existência está ausente a menina:
- quem pode entender as faces do amor?!
A solidão está boquiaberta! – é a sina!...

Machado de Carlos

Publicado no Recanto das Letras em 25/09/2008
Código do texto: T1196529

18 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Machado
Ninguém entendi as faces do amor. Aliás o amor não é para ser entendido e sim para ser vivido.
Grande abraço

Sandra Botelho disse...

belissimo, como tudo que escreves. E o poema anterior é simplesmente maravilhoso. Obrigado por me enviar e amei que vc poste o poema embaixo ...
Sou meio ceguinha amigo rsrsrsr
e amo ler-te.
bjos achocolatados

♥ Sussy* disse...

Hola! amigo* que hermoso soneto me ha encantado mucho leerlo, es precioso* y el titulo muy lindo! te dejo un beso y un saludo hasta pronto.

Amor feito Poesia disse...

... E as horas lá se vão...loucas ou tristes, mas é tão bom, em meio às horas todas , pensar em ti saber que tu existe.

(Mário Quintana)


Bom dia...com amor e poesia!!

ONG ALERTA disse...

O amor e suas sensações...paz.

Valéria disse...

Saudade de vir aqui, e ler seu poemas. Lindo A flor de Ícaro.

BeijooO'

CamilaSB disse...

É a sina das rosas e do amor
Efémeras,pétalas que caem
São prantos de alegria e de dor...
Gostei muito dos seus sonetos, também eu gosto de escrevê-los. Parabéns!

"Cantinho Poético" disse...

Livres
interiorizamos a esperança,
sorvemos o Sol
dos dias que fogem,
Vestimos o desespero
com pétalas de flores.

Luiza Caetano

Beijos perfumados no coração! M@ria

M@ria disse...

Boa Noite!!

Não tem porque interpretar um poema. O poema já é uma interpretação.

Mário Quintana

Feliz noite e beijos meus!!

Vozes de Minha Alma disse...

"- quem pode entender as faces do amor?!
A solidão está boquiaberta! – é a sina!..."

O Amor tem muitas faces, por isso talvez tão difícil entende-lo.
Mas melhor senti-lo, aí talvez entenderemos.
Foi um prazer estar aqui Machado.
Meu abraço fraterno, até a próxima.
Estou a segui-lo.

Felina Mulher disse...

gosto quando quem gosto me procura
isto me tiraa clausura liberta meus olhos
gosto de quem fala com ternura
isto sara fraturas aquece meu cosmos
gostodo que éeterno
amizade é o verso onde transbordo

Luiz Fernando Prôa

beijossssssssss

Zélia Guardiano disse...

...a sombra morre... no canto da rua...
Gosto muito dessa imagem!
Lindo poema!
Parabéns!

Um forte abraço

PS- Fiquei muito feliz vom sua visita ao Ad litteram. Volte sempre, que a casa é sua...
Obrigada!
Um forte abraço

Valéria disse...

Obrigada pelo carinho, mas é realmente gratificante vir aqui ler seus poemas.

BeijooO'

Amor feito Poesia disse...

Oláaaaaaaaa

Somos donos de nossos atos,
mas não donos de nossos sentimentos;
Somos culpados pelo que fazemos,
mas não somos culpados pelo que sentimos;
Podemos prometer atos,
mas não podemos prometer sentimentos...
Atos sao pássaros engailoados,
sentimentos são passaros em vôo.

Mário Quintana

Um lindo final de tarde prá voce com amor e poesia.

*lua* disse...

O surreal parece tão real em tua poesias ... parabéns amigo

Cris de Souza disse...

Perfume intimista, faz jus à vista.

Cristiano Contreiras disse...

Belissimo espaço, gostei muito do teor, te sigo!

ღPat.ღ disse...

Melhor sentir... sempre!

beijos.