terça-feira, dezembro 02, 2008

Saudade da Menina

Um comentário:

Olhos de mel disse...

Doce poeta! Mais um soneto cheio de amor e encantamento! As lembranças do que foi bom, só trazem saudade e felicidade...
Beijos