quarta-feira, outubro 29, 2008

Um comentário:

Olhos de Mel disse...

Doce poeta! Essa viagem sentimental, sempre vale a pena. Ainda que nada dê certo, ficam os momentos, as lembranças. Olha só que bela inspiração? Essa viagem, Lhe levou escrever um poema sublime, cheio de saudade e emoção.
Beijos