sábado, abril 02, 2011

À FLOR DE ABRIL



À Flor de Abril



O beijo era único. Tinha a cor dum ciclone;
As garras afiadas e cheias de mistérios
arrebataram minh´alma rumo ao etéreo...
Vi a carcaça de sangue estendida e sem nome!...



Os obreiros chegaram à dor enorme!
Vi as ruínas do meu grande castelo,
e ouvi a voz do Pai: (Senhor do Império)
- Vai-te!... O orgulho ainda te consome!



A prova cala os momentos de lamúrias!
O tempo cicatrizará as cores púrpuras!
Veremos o porvir na tela de matiz!...



O pretérito de lições não sai da mente:
nas quedas vemos o quanto o coração sente,
a dor é o caminho da vida feliz!...


Machado de Carlos





56 comentários:

Tania regina Contreiras disse...

O tempo cicatriza as dores de todas as cores, não Machado...Um poema seu que revela uma nova face, eu senti.
Beijos,

Lis disse...

Muito lindo Machado.
A dor encoraja a vontade de ser feliz.
Parabéns pela flor de Abril.

abraços

Marion Lemos disse...

Deslumbrante e extraordinário soneto de arrebatar.
Tem magia naquilo que concebe.
Excelente!
Sempre a admirá-lo.
Grata pela partilha.

Beijos.

Marion

Marcia Morais disse...

A prova cala os momentos de lamúrias!
O tempo cicatrizará as cores púrpuras!
Veremos o porvir na tela de matiz!...

encontraremos o caminhos,mesmo em meio as dores,bjs bom fim de semana!

Toninhobira disse...

Nem mesmo o tempo pode apagar as vezes certas marcas deixadas ficam como tautagem em nossas vidas.Mas imerge a vontade e esperança de ser um pouco mais e a vida aflora. Um texto fantastico na poesia.Meu abraço amigo.

Terê. disse...

oi amigo, estou meio ausente, são coisas de estudante,rs, passei para deixar um beijo terê.

Adriana Alencar disse...

Sem momentos dolorosos não aprendemos a valorizar a felicidade; abril, início do outono, são períodos ideais para rever o que temos a curar e preparar a alma para o novo.
Um abraço,
Adri

cristinasiqueira disse...

É pelo caminho da dor que a felicidade ganha realce.
Com admiração,

Cris


Apareça

Livinha disse...

Arrepiou...
O que dizer, se tudo em teu poema já foi dito?
O lenimento do aflito, que chega a balsamizar a dor...
Circunstâncias do amor, que nos faz calar e compreender o universo que no puro e mais singelo, verdades tendem mostrar...

Deus te abençoe meu amigo,
Tão linda, pura e terna tuas palavras.
Sois mensageiro deste reino bendito,
onde as inspirações te chegam
apaziguando os agitos dos teus mudos gritos...

Lindo domingo

Livinha

Emoções disse...

Os poetas são como as rosas,
para pétalas um verso, para espinhos uma sensação.

Tania T. disse...

"a dor é o caminho da vida feliz"

Bonito isso.. profundo!

Adorei!


Bjuu =*

A Dona! disse...

Este único beijo jamais será o ultimo,pois a esse nosso mundo de mistérios que nos envolve a cada dia,por mais initeligíveis que forem,pertece todos os beijos,sendo todos únicos!
E seu grande castelo é exatamente onde habíto e se nossos braços estendidos não se tocam,se não pisamos o mesmo solo,olhemos o dia e a noite sobre nós,pois é onde nós encontramos e nos encontraremos eternamente,sob o mesmo céu!Aqui,sob ele,a contempla-lo,somos um,unidos,quando não pelas palavras,pela luz dos mesmo astros!

A Dona

José Sousa disse...

Querido amigo Machado!
Vim lhe ler e deparei com este lindo poste e belo poema! Parabéns pela linda e sentida forma que o faz sentir em mim!

Siga-me em meu novo blogue:

http://transpondo-barreiras.blogspot.com

Um abração e bom inicio de semana.

Nilson Barcelli disse...

Belíssimo.
Parabéns pela excelência da tua poesia.
Abraço.

Everson Russo disse...

Belissimo,,,essa dor nos faz fortes,,,nos dá coragem pra seguir,,,se é flor de abril é o desejo de renovar,,,pois que venha o outono onde tudo muda de cor...abraços de boa semana pra ti.

Machado de Carlos disse...

Minha Grande Amiga (Dona!),

Uma alegria infinita toma conta de meu ser ao ouvir a tua voz juntamente com sua presença quase invisível e com caracteres anônimos.
Mesmo assim, lembro-me do último beijo. Incrível!
Com uma sensibilidade ímpar; ele - o beijo - ficará guardado eternamente a sete chaves! Esplêndido!...
Infelizmente vivemos neste mundo em que possui os seus mistérios que são inexplicáveis. Entretanto estes mistérios, cujos sinais são explícitos e extremados!
Pois bem, acho que os beijos pertencem ao nosso dia-a-dia e chegam com a velocidade da luz; uma velocidade que abate o nosso pequeno coração saltitante e como o som de um piano Divino. Por isso os batimentos são uníssonos!
Sim, sim e sim; habitamos neste extremado Castelo, construído com tijolos de palavras e, e em forma poética. Palavras que serão envolvidas nos mesmos passos e na mesma cadência. Passos que ultrapassam quaisquer barreiras que parecem intransponíveis.
Durante os dias e as noites ainda consigo ouvir as “Quatro Estações de Vivaldi”, enfatizando a parte da Sinfonia que reproduz uma “Primavera” permanente. Pisamos sim neste mesmo solo por um tempo indeterminado. Ainda bem que os Astros estão sempre ao nosso lado!
Agradeço-lhe, profundamente, pelo seu comentário, lembrando-lhe que nesta data o som da vida voltou para mim, e, meus pensamentos não deixam de voar para as dimensões Sublimes!

Desnuda disse...

Querido Poeta,



Mais um belíssimo soneto. A dor é para ser refletida para nosso crescimento.


Carinhoso beijo e boa semana.

Sandra Botelho disse...

Teu blog tem cheiro de amor infinito...beijos achocolatados

Anne Lieri disse...

Machado,sempre leio seus poemas em outros blogs e sou uma fã silenciosa!Ficou mesmo lindo teu soneto!A dor sempre nos traz novos aprendizados na vida!Bjs,

Mariazita disse...

Olá, Carlos
Venho do blog da nossa amiga comum Evanir. Fui lá propositadamente (ela tinha-me avisado) para ver o seu poema.
É um soneto muito lindo (como de costume...); acho que ela fez muito bem em publicá-lo.

Este seu último poema tem qualquer coisa de diferente...
Mudou a musa inspiradora:)
Continua muito bom (melhor ainda, se é possível).

Boa semana. Beijinhos

Jeania Lima disse...

Difícil esperar por vir quando nem sabemos se teremos tempo, mas a poesia se eterniza neste momento único em que revelamos o que não esquecemos, o que esperamos e o que aprendemos.
Gostei muito deste soneto.
Abraços...

Evanir disse...

Querido amigo..
O tempo cura tudo na vida ou
quase tudo.
O pior são as marcas deixadas para o
resto da vida.
Uma feliz tarde e noite de Domingo beijos meus,Evanir.
http://aviagem1.blogspot.com/

Flor da Vida disse...

É meu amigo, a vida é mais ou menos assim mesmo... Você foi certeiro em seus bem elaborados e inspirados versos!
Deus queira que todas dores sejam prenúncio de felicidades futuras...
Eu aqui te aplaudindo com a alma e coração!
Carinhos meus pra ti, viu?
Beijos

Néia disse...

Oi querido poeta...
Se há amor, há forças, coragem e um caminho a seguir.A vitória nem sempre é conquistada pelos fortes e corajosos,mas também por pessoas sensíveis como você.
Lindo soneto, aliás como todos que faz.
Um beijos e uma ótima semana.

Úrsula Avner disse...

Olá meu caro,

texto rico em metáforas e bonito como de costume... Grande abraço e uma ótima semana.

Ira Buscacio disse...

Machado querido, a dor sublinha a felicidade.
Na tua flor de abril o perfume é avassalador.
Bravo!
Bj e linda semana

Contos da Joii disse...

A dor passa. A ferida cicatriza, só o amor fica. Esse, não se vai com o tempo. Uma ótima semana pra ti poeta. Beijos da Joii.

Carla Fernanda disse...

Bom dia!
Forte e otimista.
Beijos,
CArla Fernanda

Wanderley Elian Lima disse...

Olá amigo
O caminho para a felicidade, na maioria das vezes é sofrido, mesmo assim vale a pena percorrê-lo, e na chegada, nos sentiremos recompensados.
Grande abraço

Everson Russo disse...

Uma bela segunda feira pra ti amigo,,,abraços fraternos.

Evanir disse...

Bom Dia amigo..
Carinhosamente venho desejar uma linda segunda.
E deixar beijos meus ,Evanir.
www.aviagem1.blogspot.com

ValeriaC disse...

Profundo...tocante por demais seu poema...é amigo, tudo é motivo de aprendizagem na vida...e a dor, é um dos meios que a vida se utiliza para promover evolução e ao aprendermos a lição, nos volta a esperança por dias mais felizes.

Beijos e uma ótima semana Poeta..
Valéria

Elen Abreu disse...

Olá.boa tarde!
Adoro quando os homens escrevem,acho muito lindo isso,ainda mais quando escrevem meio difícil como você!
Muito sucesso (:
Te sigo poeta===*

rosa-branca disse...

Belo como tudo o que o amigo escreve. Beijos com carinho

Marcia Morais disse...

Linda pra ti semana querido!

Lou Albergaria disse...

"a dor é o caminho da vida feliz"

Depois eu é que sou filosófica, hein!!! uauuuu! Amo essas dicotomias e ambiguidades! O ápice da dialética!

O ser humano em seu estado de nudez de alma.

Tenha uma deliciosa semana!

BEIJÃO!!!

Marion Lemos disse...

Li e reli, muito mais ainda.. eu ouvi teu soneto e senti tua energia.
Maravilhoso!
Parabéns, Poeta do Amor e Luz!
Linda noite e ótima semana.

Beijos

Marion

Olhos de mel disse...

Querido amigo; nossa vida é um eterno aprendizado.Caminhos que merecemos, ou precisamos vencer. O tempo como senhor da razão, faz seu papel e nós vamos ao longo da jornada, curando feridas e extraindo delas algumas lições...
Lindo soneto, querido! E que bom ter esse conhecimento, descrito em cada verso desse belo soneto.
Boa semana! Beijos

Bergilde Croce disse...

Grandes obras foram feitas em momentos de dor e o poeta melhor que ninguém demonstra isso.
Abraços,
Bergilde

Everson Russo disse...

Um belissimo dia pra ti meu amigo,,,abraços fraternos.

Evanir disse...

Querido amigo..
Um dia lindo para você meu poeta querido beijos meus,Evanir

www.aviagem1.blogspot.com

Fabi a loba!!! disse...

Realmente o tempo não apaga certas cicatrizes deixadas ao longo da vida, mas serve de lição, de aprendizado, assim encontraremos a felicidade...

Lindos versos, como sempre grandiosos!!!

Beijão querido Machado

Brasigrega disse...

"...A dor é o caminho da vida feliz."
Infelizmente sim. Aprendemos de fato pela dor e não pelo amor!
Lindos versos!
Um abraço

Paula Figueiredo disse...

O pretérito de lições não sai da mente:nas quedas vemos o quanto o coração sente,a dor é o caminho da vida feliz!...

Muito verdadeiro isso! E acalenta!

Obrigada, amigo!

E vamos confiar na vida! ;)

Lily disse...

Deu vontade de amar em Abril, mesmo que sofrendo... me bastaria o tom vermelho do meu coração pulando quente no peito.

Um abraço,

Suzana/LILY

Daniel Costa disse...

Machado de Carlos

Do belo soneto, acabamos por depreender que a dor, o sofrimento, pode ser um prenúncio de felicidade.
Abraço

Everson Russo disse...

Uma bela quarta feira pra ti amigo..abraços.

REGGINA MOON disse...

Machado,

Maravilhoso!!!Voce tem realmente o dom do poder das palavras!!!Soberbo!

"O pretérito de lições não sai da mente:
nas quedas vemos o quanto o coração sente,
a dor é o caminho da vida feliz!..."

...sem palavras!

Grande beijo e boa tarde!

Reggina Moon

Evanir disse...

O pretérito de lições não sai da mente:
nas quedas vemos o quanto o coração sente,
a dor é o caminho da vida feliz!...
Lindo meu amigo poeta ..
Seus poemas tem um diferencial e referencial para mim desde que li seu primeiro poema percebi que ia amar cada um deles..
E você é um amigo muito importate para mim.
Linda tarde beijos meus,Evanir.


www.aviagem1.blogspot.com

Sandra Botelho disse...

Vim deixar um beijo e desejar-te dias de muito amor e paz.Beijos achocolatados

Camila Lima disse...

Oi poeta! O que não é o tempo, senão mercúrio cromo (como dizia Renato Russo)? O tempo é a solução! Abraço!

Everson Russo disse...

Um belo dia pra ti meu amigo,,,notas de canções e muita poesia pra ti...abraços.

Everson Russo disse...

Boa tarde meu amigo,,,meu irmão, venho agradecer suas palavras no Livro, voce tem toda razão, é uma pessoa covarde, e na verdade, eu nem iria publicar, mas depois pensei, se não publico, dou força ao "anonimo", ele pode achar que to com medo, e publicando tambem, serve de alerta a todos os amigos, pois esse anonimo é sempre assim,,,vai ficar rodeando e incomodando a muita gente,,,e ele tem que entender uma coisa,,,enquanto ele é anonimo e sem nome,,,nós somos muitos e temos a força a AMIZADE,,,obrigado pela solidariedade,,,conte comigo sempre,,,abraços fraternos e paz de Deus pra ti...

Suely - HD disse...

Querido amigo!!!

Tudo que escreves sempre é muito lindo e muito inspirador.

Parabéns,
Ah! Não me canso em dizer: SUA PRESENÇA EM MEU BLOG É MTO BEM VINDA. AMO!!!
beijos
Suely

Evanir disse...

Querido amigo..
O tempo pode ser nosso melhor amigo porém a cicatriz deixada pelo dor fica,,e essa sim faz nos lembrar tudo que passamos todos os dias.
Um lindo final de semana beijos com todo carinho sua amiga sempre,Evanir.


www.aviagem1.blogspot.com

Cristine Lima disse...

Nossa, lindo post! Muito sensível...
Estou seguindo você.
Gostaria de convidá-lo para uma visita no meu blog. Comentários são muito bem vindos.