segunda-feira, agosto 30, 2010

À Lua de Bronze



Passa o dia!... E a noite que flutua!...
Das estrelas; - só ela está no Céu.
Penso na sorte que Deus me deu
Mas ela é um vulto na via escura!...

Confesso-lhe o amor; - somente a Lua
De face oculta com negro véu,
Seguem, na íntegra os sonhos meus!
No ápice vislumbro a pele nua!...

Um suor encanta minha velha tez;
A realidade surge com sua nudez,
Então posso tocar sua pele linda!...

Translúcido; - remexo no lençol:
Enfim veio a luz; - a luz do arrebol,
Para dizer o quanto ela é bem-vinda!...

Machado de Carlos

Publicado no Recanto das Letras
Código do Texto: T1803816

44 comentários:

Aleatoriamente disse...

Estas palavras poéticas se derramam com delicadza, pela a literatura e a veste de poesia. Obra de um grande poeta.

Beijo Carlos.
Fernanda.

Aleatoriamente disse...

Estas palavras poéticas se derramam com delicadeza, pela literatura e a veste de poesia. Obra de um grande poeta.

Beijo Carlos.
Fernanda.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá poeta
A lua astro, a lua mulher, sempre servindo de inspiração para os românticos apaixonados.
Grande abraço

Sandra Botelho disse...

Pôxa amigo, que coisa mais linda, essa composição de versos com imagem.
Tudo se encaixa , como em um amor reciproco. Como amantes que se completam, sem cercearem seus desejos ;em uma entrega absoluta e sem censura.
Os versos tem um cheiro doce, e a imagem tem gosto de chocolate.
A lua abençoa e une versos e imagem. E o poeta nesta composição é o artista que transforma os dois em um quadro pintado com o coração.
Lindo de ver, de ler e de viver.
Bjos achocolatados e cheios de respeito e ternura.

Saozita disse...

Olá meu querido amigo ,lindo este poema ,adorei.

Beijinhos boa semana

Amélie Bouvié disse...

Ah meu amigo, quanta suavidade, quanto desejo!
Sua forma de escrever é mágica!

Grande beijo.

Tania regina Contreiras disse...

Ah, seu espaço já é quase um santuário onde o Feminino é venerado! As mulheres, principalmente, devem ser pontuais aqui tão logo chegue um novo post.
abraços,

Insana disse...

Aiaia a lua é magica e linda assim escrita em suas letras ela ficou intensa.

bjs
Insana

ONG ALERTA disse...

Palavras que encantam, beijo Lisette.

♥ Sussy* disse...

É um belo poema
Muito apaixonada por escrito, com grande sentimento
Eu adorei! ler
Caro amigo * Desejo-lhe uma boa semana
Deixo um beijo e um abraço em breve (:

"Cantinho Poético" disse...

Minha poesia
É a imagem lúcida
Captada
Do facho de luz
Dos teus olhos,
Que eu converto em palavras.

Oswaldo Antonio Begiato


Saudações Poéticas! Beijos!!

"Cantinho Poético" disse...

Minha poesia
É a imagem lúcida
Captada
Do facho de luz
Dos teus olhos,
Que eu converto em palavras.

Oswaldo Antonio Begiato


Saudações Poéticas! Beijos!!

"Cantinho Poético" disse...

Minha poesia
É a imagem lúcida
Captada
Do facho de luz
Dos teus olhos,
Que eu converto em palavras.

Oswaldo Antonio Begiato


Saudações Poéticas! Beijos!!

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta
Amor e sensualidade de mãos dadas, neste belo poema...Lindo.

Beijinhos
Sonhadora

Caminhos Poéticos disse...

O melhor presente que você pode dar é um abraço: ele é tamanho único, e ninguém vai se importar se você quiser devolvê-lo.

Adauto

Boa Noite e meu abraço!! M@ria

Tere disse...

caro amigo,assim é lindo! seu poema beijos tere.

Everson Russo disse...

Magnifico amigo,,,essa lua de bronze tão entancata...tão sedutora,,,tão proxima do amor,,,,esperando que no brilho do firmamento ele esteja por lá,,,belissimos versos,,,e uma belissima imagem ...abraços de bom dia pra ti.

Menino-Homem disse...

um espaço
que mais parece
um tecido bordado
de amor...

gostei,
voltarei!

fique com Deus!

beijos,
do menino-homem

Ira Buscacio disse...

Caro poeta,

Seu espaço é, verdadeiramente, uma ode as mulheres. Tudo mt lindo por aqui.

Bjs

romantic disse...

UMA LINDEZA BJS!

Imagem e Poesia disse...

Que lindo poema, amiguinho!
E a imagem... Ui! :)
Gosto muito de te ler e agradeço por tuas carinhosas visitas, ao meu cantinho.
Beijinhos
Ceiça

Flor da Vida disse...

Apaixonante e envolvente o teu poema! Amei ter estado aqui em teu aconchegante e lindo blog... Seguindo-o... Carinhos meus a ti...
Abraços

Úrsula Avner disse...

Olá meu caro amigo,

seus sonetos sempre me encantam pela versatilidade,sensibilidade na escrita, pela beleza das rimas e metáforas... Agradeço seu carinho de sempre em meus espaços poéticos e fico sempre enternecida com suas palavras tão amáveis e delicadas. Um abraço com minha admiração, respeito e carinho.

Uma aprendiz disse...

Hummm!

Linda imagem, na foto e no texto, bela inspiração de poeta.

beijos

IT disse...

M.de.Carlos

Visitei seu blog e sair visitada! além disso, Contemplei um bela inspiração de bronze, a lua.

Grande Abraço de IT

Montserrat Llagostera Vilaró disse...

POETA, HACES HONOS A TU APELLIDO.
ENHORABUENA POR ESTA POESIA.

UN ABRAZO, Montserrat

Lou Albergaria disse...

Ah, a Lua e o Amor sempre proporcionam grandes inspirações para um grande poeta.

BEIJO GRANDE!!!

Everson Russo disse...

Um belissimo dia pra ti amigo,,,abraços fratenos.

ONG ALERTA disse...

A imaginação é tudo de bom, paz.
Beijo Lisette

Menino-Homem disse...

"Translúcido; - remexo no lençol:
Enfim veio a luz; - a luz do arrebol,
Para dizer o quanto ela é bem-vinda!..."

releio e não me canso
de admirar...

beijos,
fique com Deus!

Valéria Sorohan disse...

O doce do mel sua poesia.

BeijooO*

Lou Albergaria disse...

Machado,

Quando disse que um poema morre, referia-me ao ato de se criar um poema. Sei que depois ele se perpetua no tempo, senão não leríamos Shakespeare até hoje. Creio que não me expressei de forma correta em meu texto.

Queria falar do momento que precisamos colocar um ponto final ao poema no exato instante em que o estamos criando.

Depois farei uma correção em meu texto.

Obrigada por sua leitura. Ajudou-me muito.

SUPER BEIJO!!!

Dica Cardoso disse...

Beleza e grandeza, como sempre!!!
Abraços no coração!

Flor da Vida disse...

Passando pra lhe deixar carinhos e o desejo de que tenhas uma linda e abençoada noite... Abraços

ONG ALERTA disse...

Poemas mágicos, paz.
Beijo Lisette

Magia da Inês disse...

Olá, amigo!
O quê dizer do seu soneto?...
Nada... ele por si só já diz tudo!...
Boa semana!
Beijinhos.
Itabira
Minas... uai!...

João disse...

Belo amor expressado entre linhas. abrçs

Everson Russo disse...

Abraços fraternos de otima quinta pra ti amigo....

Livinha disse...

Belíssimo poema.
Romantismo nos olhos,
sensibilidade tamanha.
Aspirador de sonhos, navegante
da lua, na avidez que flutua...

Embriagante soneto.
Não tem como não voltar
nesse teu espaço de real beleza.
Obrigado pelo carinho em meu recanto.
Voltar, porque gostei
demais da essência que exalas.

Linda tarde!

Bjs

Livinha

Sandra Botelho disse...

Oi querido, vim deixar um beijo que hoje está sem chocolate, mas com pesar e tristeza.
mas te deixo o meu desejo de dias felizes.

Cris de Souza disse...

Estrelar!

Você canta o desejo e eu bailo contigo.

Machado de Carlos disse...

sandra gonçalves para mim
mostrar detalhes 2 set (3 dias atrás)


Meu amigo, tomei a liberdade de lhe enviar este email, para lhe agradecer pelas doces palavras
Hoje estou sim, triste, pela morte de nosso querido Hod.
Que se foi de uma maneira tão inesperada,
não que vivamos esperando a morte.
Mas quando ela vem assim de repente, parece aquelas tempestades de verão
que caem , nos assustam, destroem e depois se vão, mas as perdas ficam
Tão jovem...
Tão cheio de planos,
projetos que ficaram inacabados.
Poxa, deveriamos ter tempo de terminar tudo antes de ir.
Um poeta nunca deveria deixar obras inacabadas
Fico tão mechida quando morre alguem que deixa para trás sonhos incompletos
Mas é incoerente de minha parte dizer isso não é?
Já que a vida fica incompleta para os que se vão tão cedo.
É como se tudo ficasse pela metade.
Mas o objetivo deste email é só lhe agradecer,
por seres tão doce comigo e tão bondoso.
Obrigado querido poeta.
Que em troca recebas das mãos de Deus
bençãos infinitas.
Bjos mais que achocolatados.

Pelos caminhos da vida. disse...

Palavras encantadoras.

beijooo.

EU SOU NEGUINHA disse...

Quanto mais leio,mais me encanto...
Demais este canto.
Beijos