terça-feira, março 08, 2011

Apenas Um Soneto





Não sou o nobre de nome Ventania,
Para enriquecer teu momento inquieto.
Não há brilho de pepitas no meu teto,
Nem força a aquecer tua hora sombria.


Engano! Sou plebeu. A verdade fria!...
Pensavas que eu fosse o esguio discreto.
Não tenho ouro. Meu cofre é meu afeto;
Não te darei um “Cadillac” de alegria!


Meu coração chora sem o teu abrigo;
Meu coração em festa sonha contigo.
Minh’alma lamenta!... Um grito profundo!...


O tempo me corrói rumo ao descanso
Urge viver. Chegará o remanso...
Tua marca-d’água está no meu mundo! 



Machado de Carlos





111 comentários:

Terê. disse...

Não sou o nobre de nome Ventania,
Para enriquecer teu momento inquieto.
Não há brilho de pepitas no meu teto,
Nem força a aquecer tua hora sombria.

As vezes dizemos, não sou, querendo dizer, áh sou sim... lindo soneto amigo, da madrugada de carnaval. amei todos os meus beijos pra vc!!! terê .

Fabi a loba!!! disse...

Machado querido, tenho três palavras para esse poema que me arrancou um sorriso agradável e me deixou mais uma vez arrepiada...

LINDO,LINDO,LINDO...

Sem mais amigo... beijinhos...

Marcia Morais disse...

BELISSIMO QUERIDO UM BOM DIA!

Magia da Inês disse...

Olá, amiga!
Um lindo dia!
Bom Feriado!!!
Beijos.
♫♫.•*¨*•♫♫¸
ღ°Minas♫º
♥º

Sandra Botelho disse...

Lindo soneto amigo...
Simplesmente lindo.

Mas lá no Meu Aconchego tem um que é lindo tbem e foi escrito pelo mesmo poeta que escreveu este.Chama-se Coragem conhece?
Vai lá pra vc ver, ler...
Bjos achocolatados

Tania regina Contreiras disse...

Ah, urge viver: e isso é tanto!

Beijos, Machado...

Everson Russo disse...

Amor marcado,,,vivido,,,sofrido,,,gravado na alma,,,,o amor é isso, pelo em tudo de mais simples que possa ofertar...grande abraço de bom dia pra ti amigo,,,,hoje enfim é o dia de nossas musas inspiradoras....

Tania T. disse...

Não podia ser mais perfeito!!!

xD



Bjuuu =*

Lívia Azzi disse...

Interessante que seus versos estão em sincronismo com os meus pensamentos do post "Contemplar a sombra"...

Quando acontecem essas sintonias a leitura nem pede licença ou espera abrir as portas de casa, sem timidez já está sentada no sofá da sala tomando um café e versando junto com minhas mais profundas inquietações...

Existe marca mais real do que a transcrita num mundo particular?

Belo soneto, Machado!

AyméeLucaSs disse...

Ola amigo,
Como vai voce?
Fazia tempo que nao vinha aqui, e hoje quando vi la no meu blog o aviso de Apenas um Soneto, senti uma grande vontade de ver se era apenas mesmo, rsrsrs
Muito lindo! Este desabafo em querer se desnudar para um alguém mostrando o quanto este ser é simples, faz muitas mulheres da no pé, kkkkk e outras em vez se apaixonam amargamente e querem fazer junto a ele um enorme castelo, onde cada pedra que foi colocada, sera colocada juntos. cada pedra que cai eles recolhem juntos e tornam a refazer.
Tem pessoas que nao importam o quanto o outro é pobre de dinheiro se ve nele a inteligencia capaz de crescer se houver algo onde ele possa receber apoio.
Eu penso assim, rsrs

O Soneto ficou muito agradavel de ler, como se voce nao tivesse escolhido melhorar, e o que saiu voce imediatamente postou.
Estou falando assim mas nem sei mesmo como voce faz, srsrs Voce corrige seus sonetos ou nao? Estou dizendo de correçoes onde voce troca palavras, e nao acentos.
Mudando de assunto, o que tem feito, voce sumiu também. Saudades
Beijos

Valéria Sorohan disse...

A força do poema é tudo! Meu beijopO*.

Luciana disse...

Oi Carlos

Tudo bem contigo?

Vim ver esse belo poema lindo amigo como sempre.

Bjs e boa noite

Marion Lemos disse...

Um poeta em excelência!...
Lindo soneto!
Escreve seus sonetos e textos com uma sensibilidade d'alma e coração!
Parabéns, Machado de Carlos!
Meus aplausos à você!...
Amei!
Linda noite!

Beijos.

Marion

*Mi§§ §impatia* disse...

Lindo demais, querido.
Beijos.

*Mi§§ §impatia* disse...

Lindo demais, querido.
Beijos.

No avesso da alma disse...

Soneto lindo demais poeta.
Parabéns!


O tempo me corrói rumo ao descanso
Urge viver. Chegará o remanso...
Tua marca-d’água está no meu mundo!

Machado de Carlos

No avesso da alma disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
No avesso da alma disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sedutora disse...

Hum.. ficou lindo e sensual, parabéns.

Beijos.

Néia disse...

Olá poeta...
Em matéria de amor, não precisamos muito não...Para amar precisamos apenas nos entregar sem pensar em nobreza, beleza ou títulos.O amor pede apenas compartilhar de corpos e alma em perfeita sintonia,feito uma ventania que nos tira do chão.
Só não concordei com o nome.
Eu diria:
Um grande soneto
beijos e obrigada sempre pela visista bem como os comentários sempre carinhosos. Você é uma pessoa muito especial que me faz sonhar sempre que te leio.

Everson Russo disse...

Um dia recheado de poesia e paz pra ti amigo...abraços....

Patricia Carvalho disse...

Meu querido amigo tenho tanto pra aprender contigo, mas desde que comecei a colocar meus sentimentos em forma de poesia parece que quanto mais eu escrevo mais meu coração se enche...eu me espelho muito em vc,a ndei olhando alguns dos blogs dos amigos que estão me seguindo..meus Deus como são belas a spalavras que tenho encontrado...Obrigado por me apresentar esse mundo meu querido e preferido poeta

Ira Buscacio disse...

Machado, querido amigo,

És mais nobre que ventania. És poeta!
Um soneto de sensibilidade ímpar, eu amei!
Bjsssssssss

Livinha disse...

Apenas um soneto,
entre palavras e trijeitos,
os reversos de ti mesmo...

Apenas um soneto,
onde um eu se desmerece,
mas na altura nem percebe
que contrario a isto, roga-se em prece

Somente um soneto
um jeito de se auto esquecer,
de não ter endereço
nem joia, nem dinheiro e ao
amor desmerecer...

Somente um soneto,
quando já não mais se acredita,
que os ventos trazem luzes em pepitas,
clareando o vosso verso...

Os teus poemas, é luz que te chegas, as próprias pepitas, que te cobrem de ouro o semblante, na luz que te inspira...

Grande abraço pra ti
meu amigo

Livinha

Mariazita disse...

Olá, Carlos
Há coisas bem mais valiosas do que o ouro - o seu coração, por exemplo, feito de ternura e amor, que transpira neste lindo soneto.
Urge viver.
Pois viva a vida!

Continuação de boa semana. Beijinhos

Daniel Costa disse...

Machado Carlos

Que soneto maravilhoso!... Mais para palavras para quê? A Minha defenição é esta.
Abraço

Everson Russo disse...

Um belissimo dia pra ti meu amigo,,a,braços fraternos.

Vivian disse...

Bom dia!!

Maravilhoso soneto!!
Envolve e enternece...Ah!o amor...
Quantos sentimentos nos despertam...
Beijos!!

Cris de Souza disse...

água-viva na pele...

beijo, marujo!

Sentindo e pensando disse...

como seguir com uma marca na alma?

MENTORESDELUZ.BLOGSPOT.COM disse...

Quanta coisa gostariamos de ser e não somos,não queremos ou não podemos
lindo poeta é retratar a alma sobre o papel,como o fazes lindamente,
um abraço meu querido,com muito carinho marlene

Marta disse...

Um soneto solitário, mas cheio de amor para sentir, para viver...
Lindo...
Adorei...
Beijos e abraços
Marta

Sonhadora disse...

Meu querido Poeta

Sem palavras que cheguem para descrever este lindo poema...sinto-o apenas...e vou encantada.

Beijinho com carinho
Sonhadora

Carol Morais disse...

Cheguei a conclusao que eu sou supeita para falar dos seus sonetos, dos seus poemas em forma de cancao e vida.
Sou tao tua fa!

Desnuda disse...

Querido Poeta,

É sempre um tesouro para alma ler os seus sonetos. Lindo! Obrigada.


Carinhoso beijo e ótima noite.

Everson Russo disse...

Um belissimo final de semana pra ti amigo...abraços fraternos.

Sherazade disse...

Querido amigo; um afeto é mais que qualquer fortuna. De que vale acumular riquezas, se nem um pouco dela, vai preencher nossas lacunas e tristezas da cruel solidão?
Bom fim de semana! Beijos

aosolhosdaalma.blogspot.com disse...

ÓLA Poeta vim agradecer a visita o
comentario e dizer que amei as tuas palavras e me sinto honrrada com tua presença em meu blog,e em minha vida como amigo muito querido,
obrigada por tuas mãos,que as seguro entre as minhas com emoção,
vou guardar para sempre teu gesto lindo ,um abraço com carinho marlene

Evanir disse...

Anjo amigo..
Um lindo final de semana
beijos no coração,Evanir..
http://aviagem1.blogspot.com/

Olhos de mel disse...

Sem sombras de dúvidas, meu amigo, esse cofre é o mais poderoso da vida. Afeto, acredito sobrar carências dele, pelo mundo.
Lindo sone!
Bom fim de semana! Beijos

lllllllllll disse...

Aplausos, ótimo!

Bom fim de semana.

Everson Russo disse...

Um sabado cheio de inpiraçao pra ti amigo...abraços fraternos.

Flor da Vida disse...

Profundidade e beleza nesses versos que nos tocam... Lindo... Muito lindo, esse soneto!!!
Amigo, carinhos meus pra ti...
Bjsss

M@ria disse...

Hoje roubei todas as rosas dos jardins
e cheguei ao pé de ti de mãos vazias.

Eugénio de Andrade


Beijos poéticos e o meu carinho...M@ria

Machado de Carlos disse...

||||||||||| - Querida Amiga, obrigado pelos seus aplausos! Emocionam-me!...

“Inda podia contemplar as lindas rosas de amor vindas do imenso jardim. Além da união de corpos havia a profunda união das almas. Os corações batiam, no mesmo compasso antes do alvorecer!” MdC

Beijos!...

MdC

Sandra disse...

Seu blog é muito lindo e especial. Nesta fronteira não importa a distancia. Mas sim o que move o coração das pessoas. O amor.. A poesia, a canção. Venho deixar o convite para me visitar e ver algupem bem especial que esta comigo hoje.
Neste cantinho vc a encontrará. http://sandraregina7.blogspot.com/
Carinhosamente, ficarei esperando a sua visita.
amei muito o seu blog. amigos se conhecem assim.. Se cultivam..se conquistam e nunca mais se esquecem.
Um grande abraço..
Desde já agradeço o seu carinho e amizade.
Sandra

ONG ALERTA disse...

Gostoso de ler, beijo Lisette.

Lis disse...

Oi Machado
"Urge viver" intensamente.
que possamos liberar nossos afetos ,simplesmente.
bonito o soneto.
deixo abraços

Amor feito Poesia disse...

Que minha simplicidade,
deixe o rastro
da luxúria de minha alma.
O mais,é nada.

Patty Vicensotti

Beijos poéticos e perfumados...M@ria

Pablo & Florbela disse...

quase hora de anoitecer o mundo,
jogar a noite por cima das casas,
mas ele continuava preso no instante
em que foi capaz de mexer as asas.

Rita Apoena

Amor & Paz no seu Domingo!
Beijos poéticos.....M@ria

Líricas Imagens disse...

"O dia de hoje é um simples sonho;
o de amanhã, uma vaga ilusão.
Mas, todo dia se bem vivido,
faz de cada dia de ontem
um sonho de felicidade
e de cada dia de amanhã
uma visão de esperança."

Beijinhos e feliz Domingo! M@ria

Líricas Imagens disse...

"O dia de hoje é um simples sonho;
o de amanhã, uma vaga ilusão.
Mas, todo dia se bem vivido,
faz de cada dia de ontem
um sonho de felicidade
e de cada dia de amanhã
uma visão de esperança."

Beijinhos e feliz Domingo!M@ria

Nilson Barcelli disse...

Apenas...?
É um magnífico soneto.
Gostei imenso, da forma e do conteúdo.
Caro amigo Machado, desejo-te um bom Domingo e uma boa semana.
Abraço.

Evanir disse...

Querido amigo..
Um lindo Domingo beijos no coração querido amigo poeta,,Evanir
http://aviagem1.blogspot.com/

Garota Misteriosa disse...

É como disse em um blog anterior...


Amor, é o sentimento que provoca a maior alegria em alguém, e ao mesmo tempo a sua maior tristeza.

Sempre em algum momento iremos nos entregar as emoções das palavras, a intensidade dos sentimentos, e ao calor que isso provoca em nós, somos ao mesmo tempo masoquistas e sadomasoquistas, quando o assunto é amor e amar.

Abraços, lindo soneto, Venha me Fazer uma Visita Também!!!

Everson Russo disse...

Um belissimo domingo e uma semana de muita poesia pra ti amigo...abraços.

Carol Morais disse...

Um soneto teu nunca será apenas um soneto.
Encantador, como sempre.

Maria disse...

Sempre sublime meu amigo poeta.
Aproveito para desejar um bom Domingo e uma excelente semana.
Beijinhos
Maria

E.R. disse...

O amor faz isso...
e ja és tudo!
Belíssima escrita.



Beijos.

Maria disse...

Amigo deixei no meu cantinho “SELINHOS – Presentes dos AMIGOS”, um miminho especial é o Selo “GOTA NO OCEANO” que recebi e que gostaria de partilhar consigo, pois quero deixar também o meu apreço pelo seu blog, um espaço sempre maravilhoso, com poemas lindissimos que encantam a nossa alma.
Beijinhos
Maria

AFRICA EM POESIA disse...

Neste momento quero expressar aqui a minha solidariedade a todas as Famílias atingidas pelo tsunami de ontém.ONDA DEVASTADORA


Onda devastadora, cheia de beleza
Que rapidamente se transformou...
E destruiu tudo por onde passou...

Correu com loucura pela praia...
Saltou montes e vales...
Tudo levou e tudo varreu...

Onda sem compaixão...
Que entre os seus longos braços...
Tudo levou, pais, mães e filhos...

Sem piedade levou o amor da família...
Levou também o trabalho da terra...
E deixou, apenas a dor...

Dor de quem ficou e de quem tudo perdeu...
E tu onda devastadora...
Soltaste os teu braços...
E calmamente te foste!...

LILI LARANJO

Por Toda a Minha Vida disse...

mt lindo!!
bjs querido...
tenha uma semana maravilhosa...

orvalho do ceu disse...

Olá, Carlos
"Meu coração chora sem o teu abrigo;"
Impossível ser diferente...
Abraços fraternos e excelente semana.

Evanir disse...

Querido amigo poeta..
Hoje na Viagem foi feita uma pequena homenagem pelo dia mundial da poesia.
Com muito carinho nessa homenagem inclui seu nome poeta amigo.
Que Deus abençoe você poeta que encanta tantas postagens ,,que toca fundo nossos corações meu carinho e agradecimento por fazer parte dos poetas amigos das minhas postagens.
Um Feliz Dia Mundial do Poeta.
Um lindo Dia .Um abraço carinhoso ,Evanir..
http://aviagem1.blogspot.com/

Sandra Botelho disse...

To magoadinha com vc viu?
Achar que te exclui do orkut...Aff! Nunca faria isso. Eu deletei meu orkut por pura falta de tempo de cuidar dele.
Gosto de dar as pessoas o mesmo carinho que delas recebo, e como não estava conseguindo deletei.
Poxa amigo, como pode pensar isso?
feliz dia da poesia
beijos achocolatados

Suely - HD disse...

Olá Carlos,
bom dia,

Lindo Soneto como tudo q escreves.

beijos
Suely

Flor da Vida disse...

Amigo,

Lhe ofereço poesia
Pois de ti também recebo...
E nem é preciso embrulhar pra presente...
Porque é de alma que a doamos...
E é de alma que a recebemos...

Poesia não se faz... Nasce...
Brota das entranhas de invisíveis seres
Que habitam a alma de um poeta...

Ela está dentro e fora de nós...
Está na terra, no ar, no céu e no mar...
Na magia dos deuses... Nos sonhos que bailam
Ao som de harpas em salões celestiais...

Ela penetra surda no reino das palavras
E assim vai colorindo o mundo
Com as cores da Paz, do Amor, e da Alegria...
Deixando sempre nas entrelinhas
Partículas d'alma do poeta que a pintou...

Então, viva a POESIA!!!
Aplausos a você POETA!
Porque sem o poeta, a poesia hibernaria...

Com meu carinho...
Flor da Vida(Suelzy Quinta)

14 de março, dia da poesia.

Néia disse...

Bom dia...
Passei para lhe desejar um ótimo dia internacional da poesia,pode comemorar, mas do que ninguém hoje é o teu dia...
beijos Néia

Valéria Sorohan disse...

É isso o que busco aqui: pedaços de ti...

BeijooO*

IT disse...

No dia da poesia não poderia ficar sem vir aqui abraçá-lo.É um poeta magnífico!Amamos a poesia e por isso mesmo gostamos dos sons sonorizadores dos corações.♥ ♥ ♥

Que bacana!Machado.
Sabia que ficaria encantado com o filme 'o som do coração' simplesmente belo!Gostei tanto que já assisti três vezes,acredita?rs Beijão ♥

Tania regina Contreiras disse...

No dia nacional da poesia, meu OBRIGADA ao Poeta pela generosidade da partilha sempre!
Beijos,
Viva a poesia!

Fátima Guerra (Mellíss) disse...

Querido Machado de Carlos

No primeiro aniversário do meu blog, saiba que seu estímulo alimenta minha poesia.
Agradeço seu valioso incentivo.
Conte com meu carinho.

Fátima Guerra.

Livinha disse...

Passando para deixar-te o meu abraço, parabenizando-te pelo poeta que sois, fazendo jus ao dia da poesia, com tuas sensibilidade...

"Um outro dia, embaixo da chuva, esperamos um barco à beira de um lago; a mesma lufada de aniquilamento me atinge, desta vez por felicidade. Assim, às vezes, a infelicidade ou a alegria desabam sobre mim, sem nenhum tumulto posterior, nenhum outro sentimento: estou dissolvido, e não em pedaços: caio, escorro, derreto. Este pensamento levemente tocado, experimentado, tateado (como se tateia a água com pé) pode voltar. Ele nada tem de solene. É exatamente a doçura." (Roland Barthes)

Abc

Livinha

Rosa Mattos disse...

A frase do Cadilac foi boa!!


Boa semana, poeta/!

Wanderley Elian Lima disse...

Olá poeta.
Parabéns pelo seu dia, e obrigado por nos presentear com seus belos poemas.
Grande abraço

Everson Russo disse...

Um belissimo dia pra ti meu amigo,,,abraços de paz sempre.

Marion Lemos disse...

Bom dia!
Adoro passear por suas páginas.
Apreciar seu belíssimo trabalho,
me encantar com sua energia.
Parabéns, Poeta do Amor e Luz!

Um beijo na alma.

Marion

Toninhobira disse...

É fantastico a carga de emoção em cada verso, fico admirado com sua beleza de criação em sonetos.São perolas amigos.Aplausos com minha admiração.

Pablo & Florbela disse...

Você é a poesia ainda não escrita
É a vida que me dá mais vida
Quero você sempre comigo
Por esta e por outras vidas
Levadas pelo vento
Eu, você e seu perfume...

Jhoyvargas

Amor & Poesia na sua noite! Beijos...M@ria

JADY*ALVES disse...

Não é apenas um soneto, é todo um sentimento nas entrelinhas da alma do poeta
Se fosses rei não terias tanto afeto a dar...
Para o amor, basta amar.
Beijo com carinho,
Jady

Manuella Epaminondas disse...

Tocante, de uma sensibilidade incrivél.Passenado pelo blogs a fora
encontrei esta paz ..
Lindo. Parabéns

http://manunatureza.blogspot.com/

Everson Russo disse...

Um forte abraço de otima quarta pra ti amigo...

Mariazita disse...

Olá, carlos
Quando pensar em vir a Portugal, me avisa.
Terei o maior prazer em mostrar-te as sete colinas, que, na realidade, ao que parece são 9.
Mas das outras duas não reza a história...das sete colinas:)))

Continuação de boa semana. Beijinhos

Paula Figueiredo disse...

Amigo, obrigada pela visita! Muito lindo o seu soneto! Sempre engrandecendo o amor e o ser amado!

Abraço! E vamos confiar na vida! ;)

Pelos caminhos da vida. disse...

Um belo soneto...

beijooo.

Ela disse...

Um beijo e o boa noite de Ela!

Sonhadora disse...

Querido Poeta

Hoje passando apenas para oferecer o meu selinho de 500 seguidores...feito com o carinho de todos que me seguem.

Beijinhos
Sonhadora

M@ria disse...

A saudade é como a chuva
Lágrimas que fluem do coração
escorrem pelos olhos
mas não lavam a alma.

(Leticia Matos)

Amor & Paz ... Beijos ... M@ria

Marion Lemos disse...

Passeando por suas páginas para apreciar os lindos sonetos!
Verdadeiros "Presentes para a alma..."
Parabéns, Poeta do Amor e Luz!
Linda noite de inspirações.

Escreva mais...Sempre!

Um beijo em teu coração.

Marion

Everson Russo disse...

Uma otima quinta feira pra ti meu amigo..abraços.

Desnuda disse...

Querido Poeta,

Um lindo dia!

Beijos com carinho

EU SOU NEGUINHA disse...

Belíssimo como sempre poeta...divagando aqui..
bejos

Daniel Costa disse...

Machado Carlos

O seu soneto é uma humana obra de arte, fixei: " eu cofre é meu afecto; Não te darei um "Cadillac" de alegria".
E por aí fora dizendo porquê.
Maravilha!
Abraço

Janaina Cruz disse...

Um soneto feito por ti é muito mais que um soneto Machado, é soneto feito de conhecimento...

Estou de volta :)

Sandra Botelho disse...

Vim deixar-te um beijo...E te desejar dias de luz!
beijo achocolatados

Suely - HD disse...

Olá Poeta,

Obrigada por estar em meu blog. Sua "presença" é sempre muito bem vinda.

beijos
suely

Everson Russo disse...

Um excelente final de semana pra ti meu amigo,,,muita paz e muita poesia...abraços fraternos...

Evanir disse...

Querido amigo Carlos..
Hoje vim desejar um lindo e feliz final de semana beijos no seu coração,Evanir..
http://aviagem1.blogspot.com/

Perola disse...

Apenas um Soneto,um título muito vago para tamanho conteúdo.
Vc é generoso poeta, sabes muito bem que ñ é apenas "Um Soneto" é o "SONETO"
Rico na sensibilidade e na profundiade do brilho que os olhos captam.
Atribuir algo diferente para seu poema ta complicado já que seus visitantes esgotaram todos os adjetivos, isso significa que o sucesso que te compõe vai muito além de qualquer expectativa.
Combinando aqui com meus olhos que ainda se encontram meio embriagados pela sua escrita hum,eu queria te dizer que já voltei e tem 3 dias mas...como a montanha ñ vai até Maomé,Maomé vai até a montanha.
O passarinho dessa vez falhou,mui amigo.
Beijossssssssssssssssss
Parabéns e um exelente fds

Anônimo disse...

Doce ar que respiro,
sonetos e alaridos que acordam
meu coração e faz com que batam forte,
com uma linda canção.
amor.
Paula

nacasadorau disse...

Amigo, o amor não pede nada em troca, senão é tudo menos a-m-o-r...

O sol aquece
e legitima a indiferença
pela ordem estabelecida,
a exuberância do gesto
no decote descaído,
na saia arregaçada até à cintura
no pé nu
descalço na areia.
Extracto de poema de Maria José Areal.

Bfs e beijinho

Paula Figueiredo disse...

Ola Carlos! Venho sempre, sempre virei te visitar! E um prazer! Obrigada por suas visitas e amizade!
Abraço! :)

E vamos confiar na vida!

Lou Albergaria disse...

Que esplendor, hein, Poeta!!!

Quanto lirismo dilacerante!

Amei!

Você é simplesmente a(lou)cinante!

Obrigada por todo carinho de sempre!

Claro que seu exemplar já está guardado e terá uma linda dedicatória. Depois por email me passe seu endereço. Ainda não estou com os livros, mas assim que chegar lhe envio o seu exemplar.

Tenha um delicioso fim de semana!

BEIJO GRANDE!!!

Lu

Everson Russo disse...

Um belissimo sabado pra ti amigo,,,abraços fraternos.

Amor feito Poesia disse...

Que o breve
seja de um longo pensar

Que o longo
seja de um curto sentir

Que tudo seja leve
de tal forma
que o tempo nunca leve.

Alice Ruiz

BOM FDS...Beijos de coração prá coração! M@ria

Mari Amorim disse...

Cheguei,li,gostei e fiquei,
Boas energias,paz,saúde,e muito amor
um abraço poético,nesse dia do blogueiro!
Mari

Machado de Carlos disse...

À Paula - (Anônimo)

Paula (Anônimo)

Em cada verso que compõe um soneto, respiramos o ar de um amor infinito, assim como uma canção do célebre Michael Jakson, que acordava com a mente voltada para o coração dos humanos. Era forte e não media esforços para que a canção ganhasse o mundo em forma de canção de amor!
Sendo assim tentamos viver cada segundo da vida com as palavras que amam. Devemos seguir à frente, pois a vida tem o seu tempo efêmero!

Beijos, querida Anônima!

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Acima do ouro e de qualquer outra pompa, dará o amor puro, intenso e pleno. É isso que vale. Ótimo como sempre. Um abraço

Anônimo disse...

Quando li este teu soneto pela primeira vez,confesso que fiquei sem palavras e assim preferi permanecer,muda.Talvez por ter-me faltado entendimento de para quem o tenhas escrito,já que não foi para mim,que convencida sou do quanto és deverasmente convencido do meu amor já aqui tantas vezes declarado e por consequência,da minha forma de amar,assim,estando,mesmo sem estar as vezes...Essa forma de amar desprovida da necessidade desse algo impossível de existir,pois riqueza maior que o teu próprio existir,não existe,é impossível,eu não esperaria por isso,você é um presente raro!Acho que por isso calei-me,e mais ainda,pelo fato de não imaginar como podes imaginar que o coração de quem conhece a ti pode atribuir valores maior a algo que não é nem um pouco mais sólido e primoroso que as jóias que vives a lançar nessa tão efêmera existência.Concluindo,na qualidade de anônima apaixonada e certa do quanto amo que sou,venho pedir-te carinhosamente:Não te subestimes,nem muito menos tenha ciúmes da tua cria,a lembrar,tuas palavras,que são saídas do teu âmago e encantadas,perpetuam-se a cada aurora em forma dos mais belos castelos,das mais lindas paisagens,dos mais belos cantos,das mais puras sinfonias,ditam os ritmos do universo.Esse é o abrigo de minh'alma inquieta:O paraiso existente nos teus versos!Riquesa maior?Não,não há,não nesta terra!
OBS:
Ah,bela a tua Musa,viu.É de verdade?Nem deve ser,não é mesmo?Na verdade,a verdade as vezes está diante de nossos olhos e de tão cegos que somos(as vezes ofuscados por detalhes como essa Musa aí)não enxergamos.

A de sempre,por menos notada que seja:
A Dona.

Machado de Carlos disse...

Preciosa Amiga - Ao Anonimato, como " A Dona ".

Sensibiliza-me o fato de emudeceres ao ler-me. Isto significa que as minhas palavras tocaram o teu coração. De certa forma aumenta e, muito o meu estado de espírito!
Atônito: - fiquei encabulado em tentar entender-te. Quisera eu saber, com certeza absoluta quem tu és, pois se revelaste com o simbolismo gráfico de “anônima”. Entretanto muito me honra saber que meus versos lhe tocaram o coração.
Quando transformamos nossos sentimentos à condição de prece e somos ouvidos; muito nos fortalece de corpo e alma! Tenha certeza; meus versos são dedicados a um alguém muito especial que através de um amor considerável e de uma imortalidade segura, corresponde com os meus pensamentos, durante as vinte quatro horas que seguem a minha existência! É um amor incondicional.
Pela existência deste amor, as minhas horas vagas são convertidas em prantos, por uma saudade imperiosa.
Desta forma, agradeço-lhe, profundamente pela tua declaração de amor que chegam como fagulhas de um Sol Maior. Um amor que gera um bálsamo em minha poesia
Impossível de existir? – Não creio. Vejo na palavra amor, uma energia tão forte que atravessa, tempo e espaço. Não observo o amor somente naquele toque íntimo em que a matéria insiste em permanecer. O simples fato de tocar em uma pena para registrar uma emoção já significa uma existência inexplicável.
O presente é estar presente, entretanto quando isso não acontece e presente torna-se, ainda, mais valioso e preciso.
As jóias são pedras preciosas e perfumadas que iluminam a beleza de uma grande Musa que tem a sua moradia, dentro desta máquina chamada coração.
Quando ela – A Musa chega, todas as alas são abertas. O poeta se curva diante dela e transforma suas palavras num tapete de ouro, para que ela chegue Altíssima e caminhe ao som da Maior Música, cujo maestro ergue sua batuta como o Rei do Universo! Isto, sim, a meu ver se torna sólido e primoroso.
Sim, a existência é efêmera. Estamos de passagem nesta Terra, no entanto, contamos com a vida eterna, pois nossos corpos são apenas uma vestimenta que um dia será substituída.
Deixo aqui registrada a sua qualidade de apaixonada. Uma bênção! E queira receber com palavras simples, a minha gratidão pelo teu comentário, que muito engrandece a minha alma, e me coloca na condição de aprendiz e que eu possa transmitir aos leitores, curvas da minha estadia aos lugares divinos, tentando uma evolução como amostra de um Grande universo de Palavras.

PS: - A Musa existe. Chega com sua canção e me leva ao firmamento divino.
Caso a Musa (Linda como sempre) deixar de existir, será o fim de uma fase luminosa na vida do compositor, pois ela é a razão de uma existência poética e também sóbria.

Erica Gaião disse...

Um soneto lindo de deixar o coração na boca...

Beijos