sábado, agosto 22, 2009

Um comentário:

Efigênia Coutinho disse...

Machado de Carlos

saudosamente leio um belo Soneto MEL...

Efigênia Coutinho