terça-feira, fevereiro 23, 2010

Apenas Um Soneto

6 comentários:

Cris disse...

Um soneto é sempre mágico, diga o que quiser dizer, a literatura é fuga da vida. Beijos e bom fds pra você! :)

Guacira Maciel disse...

Olá,
lindo soneto.
Bem, tudo pode passar, porque o tempo é exigente, egoista, não tem coração; é uma fatalidadeem nossas vidas...mas a marca d'água...esta se furta à sua ação, sem dúvida, porque se esconde no coração.
Gostei muito do que li aqui.
Beijo,
Guacira.

♥ Sussy* disse...

Hola! Pase a visitar tu hermoso Blog! Te dejo un beso y un saludo hasta pronto.

♥ Sussy* disse...

Me encanto la entrada muy hermosa* gracias por compartir.

Pérola disse...

Boa noite poeta.
Antes de mais nada quero lhe agradecer o comentário q tu deixastes na minha concha,lindo demais!!!.
Segundo dizer,q teu poema é belo por demais.Suas palavras navegam em nossos corações e deixam aquele vontade de ler mais,sentir mais.
Vejo q em teu coração os sentimentos brotam numa intensidade tamanha.
Parabéns pela beleza em q tu escreves e ilumina o seu blog.
Parabéns pelo bom gosto.
Um beijo grande.

Luciana disse...

Olá

Parabéns pelo Blog de muito bom gosto e agradeço a visita no meu.

Bjs e uma boa noite.

Lu